Home » Notícias » Jejum Intermitente: entenda

Jejum Intermitente: entenda

appointment-15979_640O assunto bombástico da vez é ficar de jejum por prolongadas horas, o que contraria todos esses anos de estudos, e das nossas orientações, como aquela típica do consultório: “coma a cada 03 horas afim de evitar exageros nas próximas refeições”.

Mais vamos entender, Tinsley, 2015 defende um jejum de 12 horas em dias alternados afim de reduzir peso, níveis lipídicos e melhora da composição corporal, em seu artigo ele pondera que devemos examinar esse tipo de conduta a longo prazo, e se há a possibilidade da inclusão de exercícios físicos.

Os resultados de seus estudos são positivos, mas vale lembrar que métodos mais convencionais podem atingir os objetivos propostos.

Tinsley teve como resultado uma perda de peso de 3-9%, de 5-20% de redução de níveis de colesterol, e até 50% de redução quando foi medido os triglicerídeos.

Em uma abordagem ousada Johnstone, 2015 acredita que o jejum em 02 dias da semana pode promover a perda de peso a curto prazo, e ainda manobrar o mais difícil das dietas: a FOME, se existe o jejum o organismo se adapta e essa sensação desaparece após semanas.

E só para embasar mais a nossa polêmica reportagem, Chausse, 2014 justifica que a introdução do jejum reforça a oxidação lipídica, e aumenta a taxa metabólica basal nos dias em que a comida é ofertada em ratos.

Sim, existem linhas de estudos e cientistas pesquisando esse assunto tão polêmico, mas devemos entender que nem sempre a ciência está alinhada a prática, são muitos questionamentos:

  • É possível incluir esse tipo de conduta na rotina diária da população?
  • E a inclusão do exercício, é possível? Já que é sabido a importância dos carboidratos na atividade física.
  • Você estará transformando alguém em um ser extremamento anti-social;
  • E a longo prazo? Todos os estudos questionam a conduta por muito tempo.

Antes de prescrever, entenda, estude e principalmente cuide! É possível atingir todos os objetivos se alimentando corretamente, sem restrições e altas privações, a vida já é tão “puxada, você vai se enfiar em mais essa enrascada?

 

“Faça jejum de maus pensamentos”

Referências Bibliográficas

Referências Bibliográficas

Chausse. Intermittent Fasting Induces Hypothalamic Modifications Resulting in Low Feeding Efficiency, Low Body Mass and Overeating. The Endocrine Society. 13 May 2014.
A. Johnstone. Fasting for weight lossFan effective strategy or latest dieting trend? International Journal of Obesity, 2015
Grant M. Tinsley and Paul M. La Bounty. Effects of intermittent fasting on body composition and clinical health markers in humans. Nutrition Reviews Advance Access published September 15, 2015

About meunutricionista

Check Also

InShot_20171203_111326252

Dieta cetogênica – existe algum benefício?

É contraproducente pensar em boa performance com restrição de carboidrato, no entanto, a restrição pontual …