Home » Você Nutricionista » O Profissional » O Papel do Nutricionista no Esporte

O Papel do Nutricionista no Esporte

Foto: janainagoston / reprodução
Foto: janainagoston / reprodução

Nos últimos anos, a nutrição tem sido alvo de crescente interesse por parte de atletas e praticantes de atividades físicas, cada vez mais conscientes dos benefícios que uma alimentação adequada pode trazer quando associada ao treinamento esportivo.

Cuidando devidamente de sua alimentação, o atleta conseguirá não só manter a sua saúde, mas também preservar sua composição corporal, favorecer o funcionamento das vias metabólicas associadas a atividade física, permitir o armazenamento de energia (glicogênio muscular) retardando a fadiga pelo aumento da resistência ao exercício, contribuir para encremento da massa muscular (hipertrofia) e auxiliar na recuperação de lesões ou traumas eventualmente provocados pelo exercício.

A alimentação é, portanto, de fundamental importância para um bom desempenho em qualquer modalidade esportiva. Para isso, deve ser balanceada e completa, fornecendo todos os nutrientes necessários ao organismo para que ele realize suas funções de crescimento, reparo e manutenção dos tecidos e, além disso, produza energia.

As necessidades nutricionais, porém, são diferentes de um indivíduo para o outro em função de alguns fatores, tais como:

  • Sexo
  • Idade
  • Peso
  • Estatura
  • Patologias (hipoglicemia, diabetes, cálculo renal, etc.)
  • Tipo de esporte (modalidade)
  • Tempo de prova/competição (curta, média ou longa duração)
  • Fase em que o atleta se encontra (treinamento, competição ou pós-competição)

Na elaboração de uma dieta para o desportista devem-se levar em consideração todos esses aspectos e, principalmente, suas necessidades em termos de energia para que possa suportar o esforço físico. Além disso, os hábitos, a condição física, as intolerâncias alimentares, entre outros, também fazem parte desse leque de critérios necessários para um profissional nutricionista aplicar uma conduta adequada.

Pode-se dizer que uma orientação nutricional personalizada, juntamente com um treinamento bem elaborado, proporcionará aos atletas grandes conquistas com excelentes resultados.

 

Dra. Vanessa Tirelli Macedo
Nutricionista especializada em Fisiologia do exercício pela Escola Paulista de Medicina

About meunutricionista

Check Also

Foto: mpestudoe (reprodução)

Entenda o problema da Síndrome do Intestino Irritável

A Síndrome do Intestinal Irritável (SII) é uma doença do trato gastrointestinal que é caracterizada …